Rubedo: a terceira fase da Grande Obra

Rubedo: a terceira fase da Grande Obra

Rubedo, ou Opera al Rosso, é a última grande transmutação alquímica, que culmina na conclusão final da Grande Obra. Esta é uma operação bastante obscura, da qual os alquimistas forneceram apenas explicações fragmentárias.

Lembramos que a Grande Obra é o itinerário que o alquimista deve percorrer para fazer a Pedra Filosofal. Este caminho está dividido em três fases principais que são o Nigredo, o Albedo  e o Rubedo. Se durante as fases de Nigredo e Albedo a matéria é apodrecidadestilada, respectivamente, durante a fase de Rubedo é elevadasublimada .

O significado alquímico de Rubedo

O principal efeito da sublimação da matéria da Ópera durante Rubedo é a reunificação final dos opostos. O que foi separado por razões contingentes, agora volta a se reunir. Durante esta fase, testemunhamos a reunificação do espírito e da matéria, do homem e da mulher, do Sol e da Lua. E não é por acaso que a cor desta operação é vermelha, uma cor que fica a meio caminho entre preto e branco, entre luz e escuridão.

Finalmente, a conclusão de Rubedo marca a realização da Pedra Filosofal, uma substância capaz de conferir imortalidade, adquirir onisciência e transmutar metais comuns em ouro.

Os símbolos de Rubedo

Em um nível simbólico, a união dos opostos que se testemunha durante o Rubedo é representada pela cobra Ouroboros, no seu ato de morder o próprio rabo. A cobra que morde a cauda representa a conclusão do ciclo alquímico.  

O representante de Rubedo no mundo mitológico é a fênix, uma criatura capaz de renascer de suas próprias cinzas, juntando-se assim ao início e ao fim de cada ciclo. Outro símbolo para Rubedo é o ser andrógino, que contém as virtudes do masculino e do feminino.

Nigredo, Albedo, Rubedo

Nigredo, Albedo, Rubedo

 

No cristianismo, o vermelho está associado ao Pentecostes, ou à descida do Espírito Santo na Terra, na forma de línguas de fogo. O significado da cor vermelha também se refere ao sangue, vida, fertilidade e sacrifício. Finalmente, na Divina Comédia, Rubedo é representado pela entrada de Dante no Paraíso e seu encontro com Beatrice.

Conclusão

Muitos psicólogos viram nas transmutações alquímicas uma metáfora para as mudanças que ocorrem no âmbito da interioridade humana. Nesta perspectiva, Rubedo representaria a aceitação do indivíduo pela sombra e suas contradições mais profundas.

De fato, existem analogias e é sacrossanto detectá-las. No entanto, é muito provável que o verdadeiro significado das transmutações alquímicas vá muito além de qualquer mudança que tenha apenas natureza psíquica ou pseudo-espiritual.

Existem muitas teorias segundo as quais seria suficiente observar-se através de um testemunho interno improvável para realizar as três fases da Grande Obra em nível corporal e espiritual. Mas então surge a pergunta: é possível que os alquimistas, durante séculos, usem uma linguagem tão obscura e enigmática para expressar uma ideologia tão banal? Não senhor! A realização da Grande Obra é outra coisa. E o que realmente é todo mundo deve descobrir por si mesmo.

Quer saber mais sobre o Hermetismo e a Alquimia? Entre no nosso Grupo de Estudos Herméticos e acompanhe nossa página Hermetismo e Alquimia no Facebook!

 

Fonte consultada: Sentieri Iniziatici

Veja também:

 

Sobre o autor | Website

Estudiosa de Hermetismo, Alquimia, Tarô e Cabala. Interesse especial em Iconografia Alquímica. Idealizadora da Página Hermetismo e Alquimia, do Grupo de Estudos Herméticos conteudista do Projeto Mulheres da Magia.

Entre para nossa lista VIP e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!