Acompanhe nossas atualizações!

Acompanhe nossas atualizações!

Inscreva-se na nossa lista VIP e seja informado sobre novos artigos!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

O Caibalion e as 7 leis herméticas

O Caibalion e as 7 leis herméticas

Nessa minha busca por conhecimento, impulsionada pelos estudos de Mecânica Quântica e a decisão de expandir a consciência, deparei-me com os princípios herméticos. Na verdade, caiu nas minhas mãos “O Caibalion”, um livro incrível que, apesar de milenar, permanece mais atual do que nunca.

Nesse post, espero despertar nos leitores o interesse pela leitura desse livro, já que aqui vamos apenas pincelar as sete leis herméticas. Vamos lá?! Vocês vão ficar impressionados como a semelhança entre o que está escrito no Caibalion e a Mecânica Quântica é grande.

Quem ou o que foi Hermes trismegisto?

Segundo consta no Caibalion, a tradição hermética é uma das maiores heranças culturais que o Egito nos deixou. Representada por Hermes Trismegisto, considerado o “mensageiro dos deuses”, o “três vezes grande”, as leis herméticas data de uma época em que os homens ainda eram nômades.

Acreditando que ele era um deus, os egípcios passaram a chamá-lo de Thoth. A verdade é que naquele tempo haviam muitas lendas a respeito do mestre dos mestres. Alguns acreditavam que ele remetia ao mito da Atlântida, outros que ele foi um faraó e há ainda quem achava que ele era apenas um homem muito sábio.

leis herméticas

Hermes Trismegisto era considerado o pai da magia, dos conhecimentos ocultos, da comunicação, da alquimia e ainda representava a lógica organizada do universo. Nossa, quanta sabedoria, não é mesmo!? Além disso, ele foi considerado o pai da Sabedoria Oculta e o fundador da Astrologia.

Para termos noção do conhecimento e importância desse mestre, reza a lenda que ele foi contemporâneo e instrutor de Abraão. Além disso, atribui-se também a ele todos os preceitos fundamentais e básicos introduzidos nos ensinos esotéricos de cada etnia humana.

Isso quer dizer nada menos que os mais antigos preceitos da Índia, da China, da Pérsia, de Roma, do Japão, da Caldeia e até da Grécia têm como fonte original o hermetismo. A verdade é que essa sabedoria milenar também está nas raízes de religiões mais jovens, como o cristianismo, o budismo, o judaísmo e o islamismo.

Percebeu a imensidão dos ensinamentos herméticos? É uma verdadeira doutrina filosófica que até hoje nos traz uma contribuição ímpar.

Vamos lá conhecer os princípios herméticos deixados por Hermes Trismegisto?

Conheça as 7 leis herméticas

“Os princípios da verdade são sete; aquele que os conhece perfeitamente possui a chave mágica com a qual todas as portas do templo podem ser abertas completamente” (O Caibalion)

1. Princípio do Mentalismo

“O Todo é mente; o universo é mental.”

De acordo com o princípio do mentalismo, tudo o que existe está dentro de uma grande mente. Todo o universo — seus fenômenos, toda matéria e energia, tudo o que está acontecendo agora e todas as histórias estão ocorrendo em uma mente viva, infinita e universal.

Agora vejam que incrível isso: “isso explicaria os fenômenos mentais e psíquicos, assim como o comportamento de algumas partículas atômicas segundo a Mecânica Quântica, e algumas das teorias físicas modernas que falam da possibilidade do universo ser um holograma“.

2. Princípio da Correspondência

“O que está em cima é como o que está embaixo; o que está embaixo é como o que está em cima”.

Esse princípio diz que há uma correspondência entre as leis e os fenômenos dos diversos planos da existência. O que isso quer dizer é que segundo o hermetismo, é possível entendermos o comportamento de galáxias se analisarmos o funcionamento de moléculas. Segundo o Caibalion, “Estudando a mônada ele chega a conhecer o arcanjo“.

3. Princípio da vibração

“Nada está parado; tudo se move; tudo vibra”.

Simplesmente o que já sabemos: que tudo é feito de energia, inclusive a matéria. Percebe como isso foi provado há pouco tempo pela ciência, mas os sábios antigos já sabiam disso?

Para os hermetistas, quanto mais elevada for uma vibração, mais elevada será sua posição na escala, e portanto entre as vibrações mais rápidas e mais lentas residem todas as manifestações naturais, desde moléculas a galáxias. Isso se aplica também aos planos emocionais, mentais e espirituais.

É o que a gente sempre fala: tudo é energia vibrando em determinada frequência. A velocidade dessa vibração determina sua composição.

4. Princípio da Polaridade

“Tudo é duplo; tudo tem polos; tudo tem o seu oposto; o igual e o desigual são a mesma coisa; os opostos são idênticos em natureza, mas diferem em grau; os extremos se tocam; todas as verdades são meias verdades, todos os paradoxos podem ser reconciliados.”

Nem precisa falar mais nada, não é mesmo? Mas vamos lá: é como dizer que o amor e o ódio são apenas dois polos de uma mesma energia. Frio e calor são a mesma coisa, apenas estão em graus diferentes.

Este princípio nos ensina que para combater um grau de manifestação de algo precisamos nos valer da mesma energia, mas em outro grau. Por fim, isso significa que é possível transmutar vibrações de ódio em vibrações de amor, tanto em nossa mente como na mente de outras pessoas.

5. Princípio do ritmo

“Tudo tem fluxo e refluxo; tudo tem suas marés; tudo sobre e desce; tudo se manifesta por oscilações compensadas; à medida do movimento à direita é a medida do movimento à esquerda; o ritmo é a compensação.”

Esse princípio diz que a lei não pode ser anulada, mas os hermetistas descobriram que se pode escapar de seus efeitos através da aplicação da lei mental da neutralização. Por meio dela é possível entrar num ritmo de saúde e doença. No entanto, o hermetista não se deixa levar facilmente pelo polo da doença, pois compreende o funcionamento rítmico do universo.

6. Princípio de Causa e Efeito

“Toda causa tem seu efeito, todo o efeito tem sua causa; tudo acontece de acordo com a lei; o acaso é simplesmente um nome dado a uma lei não reconhecida; há muitos planos de causalidade, porém nada escapa à lei.”

Nada acontece sem uma razão, tudo acontece de acordo com a lei. Nada é casual. Para os hermetistas — e para a Mecânica Quântica — absolutamente tudo o que acontece a ele é o efeito de algo criado por ele mesmo, ou seja, que tudo o que lhe acontece é efeito de uma ação que ele mesmo tomou, ou uma escolha sua.

Por esse motivo os hermetistas não reclamam de nada, pois sabem que têm responsabilidade em tudo que lhes acontece. Consciente dessa lei, qualquer um pode dar um salto quântico, partindo de uma pessoa comum a um mago, e se tornar um causador, ou seja, um cocriador e não apenas alguém a mercê dos efeitos.

7. Princípio de Gênero

“O gênero está em tudo; tudo tem o seu princípio masculino e feminino; o gênero se manifesta em todos os planos.”

Segundo esse princípio o gênero está em tudo e opera sempre na direção da geração, regeneração e criação. Quem possuir esse conhecimento, junto com o princípio do mentalismo, possuirá grande poder criativo.

E então, perceberam como as Leis Herméticas são bastante atuais? É impressionante a semelhança com as recentes descobertas da Mecânica Quântica.

Isso mostra que estamos no caminho certo na busca por conhecimento e por nossa transformação mental e espiritual.

“Onde se encontram as pegadas do Mestre, os ouvidos daqueles preparados para os seus ensinamentos se abrem completamente.” O Caibalion

“Quando os ouvidos do estudante estão preparados para ouvir, logo vêm os lábios para preenchê-los de sabedoria.” O Caibalion

Tags: | | |

Sobre o Autor

Lidiane Franqui
Lidiane Franqui

Eu tenho uma missão e quero cumpri-la com amor e paciência. Cada texto ou reflexão minha é parte dessa missão e eu vos convido a fazer parte dela.

0 Comentários

Deixe uma resposta