Arquétipos Magia Mitologia Egípcia

Ísis: Deusa da Magia e Protetora da Natureza

Escrito por Lidiane Franqui

Também considerada a deusa da fertilidade e da maternidade, a fama de Ísis foi além das fronteiras do Egito. Adorada em todo o mundo greco-romano, Ela é filha da Deusa Nut e do Deus Geb. Segundo a mitologia Egípcia, Ísis veio da estrela Sírius com o propósito de cuidar das pessoas e educá-las. Seu irmão e amante, Osíris, veio da constelação de Orion.

Ísis tinha um disco solar na cabeça. Às vezes, é chamada de ovo de ganso porque Geb é o pai de Ísis e o ganso é o animal que o representa. Ela também tinha um trono na cabeça para simbolizar que ela era uma rainha.

Essa Deusa tem um papel fundamental na morte. Em todos os ritos de morte ela era colocada aos pés do sarcófago e sua irmã, a Deusa Néftis, na parte superior. Ísis e Néftis geralmente aparecem juntas em muitas representações, incluindo nos Papyrus de Ani (O Livro da Morte). É dito também que a Deusa Ísis deu à luz a HórusNpeftis o amamentou.

  • Atribuições: Criação, Magia, Amor
  • Símbolos: Asas abertas, Ganso selvagem, Ankh
  • Local: Egito

Continue lendo e saiba mais sobre essa incrível deusa egípcia, também considerada a Deusa do Amor e da Magia!

Origem Mitológica

Na mitologia egípcia, Ísis é a filha mais velha de Geb (deus da Terra) e Nut (deusa do Firmamento). Ísis se casa com seu irmão Osíris e o casal precisa enfrentar a fúria do outro irmão, Seth, que é considerado uma divindade do mal.

Na mitologia Seth é invejoso e se recente de Osíris por ele ter ficado responsável por comandar a Terra tendo a oportunidade de transmitir aos mortais seus conhecimentos a respeito de agricultura e pecuária.

Como vingança Seth trai o seu irmão e, além de matá-lo, esquarteja seu corpo. Desesperada, Ísis consegue reunir todas as partes do corpo do amado com exceção do seu genital que é substituído por uma versão do órgão feita de ouro.

Usando seus dotes de magia, Ísis traz Osíris novamente à vida e, após esses acontecimentos, o casal concebe Hórus, que é um dos principais deuses egípcios — representado pelo sol — que emana energia solar e que luta contra Seth, derrotando-o.

Deusa da Magia e do Amor

Conhecida por seu poder mágico, a deusa era considerada mais inteligente que um milhão de deuses. Foi graças a esse poder mágico que ela derrotou Seth várias vezes. Inclusive, muitas das histórias sobre Ísis foram utilizadas como prólogos de textos mágicos que descreviam eventos míticos.

Ísis dominava a magia e por conta disso, enganou até mesmo o deus Rá, conseguindo extrair os segredos que regiam a vida e a morte. Além disso, personifica a esposa fiel e a mãe amorosa. A deusa era casada com Osíris e juntos ajudaram a colonizar o vale o Nilo.

Inclusive, a origem do casamento é atribuída a eles. Como já foi dito, seu marido foi assassinado pelo irmão, Seth, que queria se tornar rei.

Ísis e Osíris

Osíris e Seth

Ísis sofreu bastante com o que aconteceu com seu amante e irmão Osíris — Deus dos Mortos e do Renascimento. Quando ele foi morto pelo seu irmão Seth — Deus do Caos, Ísis rasgou suas roupas, passou-se por uma pessoa normal e foi em busca do corpo do seu amado.

Ao chegar na Fenícia, Ísis tornou-se empregada da rainha Astarte, que mais tarde descobriu sua identidade e revelou que o corpo de Osíris estava no palácio. Ísis pegou o corpo dele e levou de volta par ao Egito, de modo que pudesse ser sepultado. Mas, ao saber que a Deusa tinha encontrado o corpo de Osíris, Seth o roubou e desmembrou em quatorze partes.

Ísis não desistiu e saiu em busca de cada parte. E, quando atingiu seu objetivo, percebeu que faltava apenas o pênis. Foi então que, com sua mágica, Ísis substituiu o pênis de Osíris por um pedaço de ouro. Mas, ela não fez só isso, utilizando sua mágica, trouxe o amado de volta à vida e gerou um filho dele, o Deus Hórus.

 

Veja também:

Sobre a autora

Lidiane Franqui

O que eu poderia dizer se não que sou uma estudiosa dos assuntos ocultos? Apaixonada pelo místico, pelo oculto e pelo que há além da materialidade, eu sigo estudando, buscando e tirando os véus que estavam cobrindo meus olhos. Quanto mais estudo, mas percebo que há muito o que aprender. Parafraseando o ilustre Sócrates, quanto mais estudo, mas percebo que nada sei. Espero que com minhas anotações neste blog, eu possa auxiliar quem quer que chegue por aqui.

Deixe um comentário