Acompanhe nossas atualizações!

Acompanhe nossas atualizações!

Inscreva-se na nossa lista VIP e seja informado sobre novos artigos!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

A sua frequência cria a sua realidade

A sua frequência cria a sua realidade

É muito comum, principalmente desde o livro O Segredo, vermos a afirmação de que criamos a nossa realidade. Infelizmente, as pessoas tendem a banalizar tudo que “vira moda” e a verdade é que os conceitos e fatos apresentaram em O Segredo viraram.

Desde então, virou “papo de místico”. Muitas pessoas torcem logo o nariz quando falamos: “meu amigo, cuidado com o que você pensa, sente e fala o tempo todo, pois isso determina a sua realidade“.

A questão é que, sendo moda ou não, isso é o que realmente acontece. Não dá para fugir. Somos energia e sintonizamos energias que estão por aí e são iguais a nossa.

Usando um exemplo bem simples: você quer ver a novela da globo, não é? Você não conseguir fazer isso colocando no canal do SBT. Da mesma forma, se você quer prosperidade, você não vai encontrar isso se só emana falta e carência, se só reclama do que não tem.

Sua frequência cria a sua realidade

Nós somos verdadeiras antenas de recepção de energia. Emanou, vem. Pensou e sentiu, criou. Isso acontece graças ao campo eletromagnético, no qual todos estamos inseridos.

Vejamos o que o professor Hélio Couto fala a seguir:

“Tudo é energia e tudo tem um campo eletromagnético. Todos somos feitos de átomos. Energia nunca desaparece. Só se transforma. Portanto, um campo energético é eterno. Isso significa que biologicamente podemos trocar de forma ‘n’ vezes, que continuaremos existindo na nossa energia inicial. Essa energia inicial contém toda a informação desde sempre. Tudo no universo é energia e informação. Essa energia emana informação e atrai informação. Da mesma forma que atrai mais energia. Na mesma frequência que emanou. Toda energia vibra numa determinada frequência.”

Isso é física, são fatos, é ciência. Portanto, não é “papo furado da nova era, dos místicos, do pessoal da autoajuda”. É eletro magnetismo.

Se você está aí, querendo que sua vida melhore e não entende porque nada dá certo, vamos rever o que está emitido todos os dias, o tempo todo.

Nossa Lidiane, mas isso dá muito trabalho. Como vou ficar o tempo todo me vigiando, observando se estou emitindo coisa negativa. Isso é muito chato!

De fato nós pensamos assim porque estamos acostumados, desde há muito tempo, com a entropia psíquica; que é nada menos que a desorganização energética.

Nas palavras do Hélio, entropia é simplesmente “viver inutilmente”. É a perda de energia e a desorganização decorrente disso. Em Física se diz que o universo tende para a entropia, ou seja, para a desordem. Para que haja neguentropia, que é a ordemm é preciso que alguém coloque energia e inteligência num objetivo determinado. (1)

Se a tendência é a desordem — pensamentos negativos do tipo: a vida é uma porcaria, nada dará certo, crimes, assaltos, desemprego, falência, perdas, fome, doença, miséria etc, — como vou colocar tudo isso em ordem?

“Para evitar isso é preciso colocar energia no processo. Isto é, conscientemente pensar em objetivos positivos 100% do tempo. Foco e concentração no que se deseja que aconteça.” 

Não adianta gente, temos que ter em mente que existem Leis e que nós precisamos nos alinhar a elas. Pensando em termos de eletro magnetismo, é isso mesmo, não tem outra solução.

Você atrai o que sua frequência emana. Tá na frequência do amor, da alegria, da gratidão, da prosperidade? Ótimo, a vida fica uma beleza, independentemente dos fatores externos. Você sai de uma frequência e entra em outra.

Vejamos um exemplo: você está aí, doido para arrumar um emprego. Está mentalizando, pedindo ao Universo, meditando, fazendo visualização e tudo mais.

Mas a sua frequência — sua atenção — está na inveja do vizinho que tem um emprego, está na briga com o outro que tem visão política diferente; sua atenção está no futebol, na novela…

Você está vibrando na frequência dessas coisas e não na frequência de receber. O emprego vem? Não. O que a gente quer realizar de bom estará sempre na frequência da alegria, da gratidão.

Leia também: Em qual paradigma você vive? Preste atenção, pois ele determina como é sua vida!

Enquanto a gente tiver xingando, pensando mal da filha dos outros, odiando, reclamando e se afundando em críticas; enquanto estivermos fazendo toda sorte de corrupção, vamos ficar lá em baixo, nas frequências em que nada de bom acontece.

E sabe o que é pior? Quando estamos nessas frequências, o campo eletromagnético continua atuando. Nós atraímos coisas, eventos, emoções e pessoas que estão em sintonia com essas coisas.

É por isso que muita gente diz que NADA na vida dela dá certo. Se formos analisar o padrão vibratório da pessoa, saberemos porque isso acontece.

Você pode me dizer que conhece pessoas boas, que com certeza devem ter a frequência elevada e mesmo assim elas passam por dificuldades.

Claro. E quem não passa? Mas, tenho certeza que essas pessoas passam de maneira diferente. Elas não se revoltam, não abaixam ainda mais a vibração. Elas passam pelo que tiverem que passar.

E o político, Lidiane? Ele está mentindo, roubando, tirando a merenda das crianças! E ele tem iate, apartamento, casas e mais casas etc.

Você acaso pode garantir que todas essas coisas traz felicidade para ele? Trazem paz? A menos que você só queira essas coisas independentemente do resto, tudo bem.

É preciso entender que as leis do Universo são imparciais. Elas funcionam independentemente se você é bonzinho ou não. A questão é que existem frequências que só quem trabalha no bem acessa.

Mas, conseguir apenas coisas materiais, qualquer um que focar na riqueza consegue. Muitos usam o eletro magnetismo para conseguir fortunas a troco de muita dor no futuro. Eles focam 100% da energia naquilo que querem.

Eles organizam o pensamento — ou seja, arrumam a bagunça mental — para aquilo que desejam. Mas, não se esqueçam que mais cedo ou mais tarde a conta vem. Tá atraindo coisa boa, que não vai prejudicar os outros? Fica na paz!

Tá enganando, roubando, mentindo para conseguir o que quer. Não se esqueça que mais cedo ou mais tarde, a conta vem. É por isso que muita gente tá aí na miséria. Essas pessoas estão pagando a conta de escolhas feitas lá atrás.

Outro ponto a se considerar é que estamos aí na entropia negativa há milênios. Para o campo eletromagnético não existe tempo-espaço.

Você pode receber hoje o resultado do que emanou ontem, mas também é possível que esteja recebendo a emanação de ações/ pensamentos/ sentimento de três mil anos atrás.

A questão é: orar e vigiar, como já dizia Jesus. Quer pedir? Quer receber? Vigie seus pensamentos e sentimentos. Vamos parar de jogar energia negativa o tempo todo para o universo. Quando mais tempo a gente perde fazendo isso, mas longe ficamos de mudar nossa frequência.

Porque você sabe, né? A gente é responsável por TUDO que faz. E, por isso, tem que pagar todo débito que contrai. Lembra-se da história do vaso chinês? Pois é: você chegou na minha casa, derrubou meu vaso chinês e ele quebrou. Você pediu perdão e eu, claro, perdoei. Mas, passa aqui o cheque para eu comprar outro vaso.

Bom, meu amigos, a mensagem de hoje é essa: vamos trabalhar e estudar para entender como tudo isso funciona. Só assim podemos ir melhorando diversos setores da nossa vida. Talvez não consigamos mesmo fazer isso de uma para outra.

Mas, de posse do conhecimento, já temos as ferramentas para trabalhar. Vamos vigiar nossas palavras, pensamentos, sentimentos. Vamos fazer uma limpeza na timeline do nosso Facebook, vamos filtrar os vídeos que assistimos.

Vamos nos cercar de coisas e pessoas que nos ajudem a elevar nossa frequência. Vamos desligar o futebol e a novela. Vamos nos divertir, sermos nós mesmos e tentar sorrir mais em vez de reclamar.

Desejo a todos uma boa transformação e não se esqueça: sua frequência cria a sua realidade. Paz e luz!

Não deixe de ler: Livro Vós sois deuses: o reino dos céus é, na verdade, o reino de nós mesmos

Tags: |

Sobre o Autor

Lidiane Franqui
Lidiane Franqui

Eu tenho uma missão e quero cumpri-la com amor e paciência. Cada texto ou reflexão minha é parte dessa missão e eu vos convido a fazer parte dela.

0 Comentários

Deixe uma resposta